Seja bem vindo
Curitiba,22/05/2024

  • A +
  • A -
Publicidade

Melhores trilhas para caminhadas na América do Sul


Melhores trilhas para caminhadas na América do Sul

A América do Sul é o lar de algumas
das trilhas mais incríveis do mundo. Para muitos viajantes, cainhar por elas é
a principal razão pela qual escolhem a região como
destino de viagem. Desde a
avenida de vulcões no Equador, que perfuram o céu com seus cumes negros
listrados de neve, ao vasto bioma da Floresta Amazônica, que abrange oito
países, este
subcontinente é repleto de cores
vivas, fortes tradições e paisagens deslumbrantes.



Se você decidir explorar esta bela terra, há também os glaciares e as montanhas
da Patagônia, áreas selvagens na Argentina e no Chile ou ainda a enorme Cordilheira
dos Andes que irá recompensá-lo com cachoeiras surreais, lagoas cristalinas,
enormes vulcões e cidades perdidas.



Com uma variedade de opções para caminhadas de um ou vários dias, preços
acessíveis e instalações de qualidade, não é à toa que a América do Sul se
tornou um dos principais destinos para os amantes de trilhas desafiadoras. Basta
você colocar nos pés
o seu
melhor tênis
para caminhada, arrumar sua mochila
e seus equipamentos, e mergulhar na bela biodiversidade deste continente. As
opções são praticamente infinitas.



Veja, então, algumas trilhas para uma experiência inesquecível na exuberante América
do Sul.



Monte Fitz Roy, El Chaltén, Argentina



Desfrute de picos impressionantes, lagoas azul-turquesa e enormes geleiras em
caminhadas de um dia. A maioria dos pontos famosos, como o Monte Fitz Roy, fica
a apenas algumas horas de caminhada da cidade de El Chaltén, então você nem
precisa de equipamento de camping. Para os mais aventureiros, existem algumas
incríveis rotas de vários dias nas quais você pode explorar o coração da
Patagônia selvagem.



Duração: 1 dia



Nível de dificuldade: fácil a moderado



Torres del Paine, Patagônia, Chile



A caminhada pelo Parque Nacional Torres del Paine é uma ótima maneira de
explorar um dos territórios mais remotos da América do Sul. Estando muito perto
do fim do mundo, esta é uma terra de ventos fortes e clima imprevisível, onde
enormes montanhas se erguem além de belos lagos e rios verde-esmeralda. Você
pode completar a trilha mais popular, “W Trek”, que o levará às duas atrações
principais: Las Torres e Los Cuernos del Paine.



Duração W trek: 3 a 5 dias



Nível de dificuldade: moderado



Trilha Inca, Machu Picchu, Perú



Embora a Trilha Inca seja de longe a forma mais conhecida de chegar à
maravilhosa cidade de Machu Picchu, existem algumas ótimas alternativas, como
as rotas de Salcantay ou Lares. Todas elas exploram os antigos territórios
incas e o levam por belas
florestas
tropicais
e grandiosos vales antes de chegar a Machu Picchu –
uma das sete maravilhas do mundo moderno.



Duração: 2 a 5 dias



Nível de dificuldade: moderado



Ciudad Perdida, Colômbia



A trilha Cidade Perdida envolve caminhar pela selva nas colinas ao redor de
Santa Marta e Minca por quatro dias, parando em pequenos acampamentos todas as
noites. É facilmente uma das melhores trilhas para se fazer na Colômbia. A caminhada
não é fácil e dependendo do calor pode ser brutal! No entanto, a trilha leva
você à “Ciudad Perdida”, uma famosa ruína inca onde é possível aprender tudo
sobre essa civilização enquanto aprecia as vistas magníficas da floresta, dos
rios e das cachoeiras da Serra Nevada.



Duração: 4 dias



Nível de dificuldade: moderado



Avenidas dos vulcões, Equador



Esta caminhada leva você até o topo de alguns dos vulcões mais altos do
Equador, localizados no Círculo de Fogo do Pacífico (ou Anel de Fogo do
Pacífico). Você caminhará por florestas tropicais e campos de lava em uma
missão para encontrar os vulcões Pasochoa (4200m), Rumiñahui (4600m) e Cayambe
(5800m) ou Cotopaxi (5897m) – este último está atualmente fechado devido à alta
atividade vulcânica. Entre escalar esses vulcões, você fará caminhadas curtas
de aclimatação por cachoeiras e fazendas remotas, o que reduzirá as chances de mal-estar
pela altitude. Embora não seja necessário ser um montanhista experiente para
percorrer a Avenida dos Vulcões, é preciso ser um ‘trekker’ experiente,
acostumado a passar muitas horas na trilha.



Duração: 7 dias



Nível de dificuldade: difícil



Trilha da Chapada Diamantina, Bahia, Brasil




Esta caminhada cênica acontece na Chapada Diamantina – uma antiga área de
mineração de diamantes onde o habitat foi restaurado. Espere vales arborizados,
lagos, cachoeiras, grutas e cavernas ou ainda montanhas e cânions. Caminhe
entre antigos monólitos e cachoeiras no Parque Nacional da Chapada Diamantina,
um paraíso isolado. Embora haja algumas subidas íngremes, a trilha é
classificada como moderada e você terá muito tempo para apreciar a vista ou mergulhar
em um dos poços naturais ao longo do caminho. Como a área é remota e a trilha
não está bem sinalizada, recomenda-se fazê-la com um guia local.



Duração: 3 a 5 dias



Nível de dificuldade: moderado



Circuito Huayhuash, Peru



Esta é uma caminhada longa e desafiadora – talvez uma das mais difíceis da
América do Sul – mas também uma das mais bonitas e recompensadoras. A trilha o
levará aos Andes peruanos, onde você encontrará enormes montanhas, geleiras,
lagos espelhados, além de conhecer a cultura local. Se você também não é o mais
experiente, recomenda-se fazer uma visita guiada. Os guias locais levarão
alguns de seus equipamentos e alimentos, tornando a tarefa gigante mais
gerenciável.



Duração: 10 a 12 dias



Nível de dificuldade: difícil




COMENTÁRIOS

Buscar

Alterar Local

Anuncie Aqui

Escolha abaixo onde deseja anunciar.

Efetue o Login