Seja bem vindo
Curitiba,26/09/2022

  • A +
  • A -

Forbes lista os jovens mais bem pagos do mundo do esporte; veja ranking

Foto: mg.superesportes.com.br
Forbes lista os jovens mais bem pagos do mundo do esporte; veja ranking





 

A Forbes divulgou recentemente uma lista contendo os sete atletas jovens mais bem pagos do mundo. O ranking, que é liderado por Josh Allen, quarterback do Buffalo Bills, da NFL, também conta com nomes como Mbappé, atacante do PSG, e Max Verstappen, piloto de Fórmula 1 da Red Bull.

 


 

Para fazer o ranking, a Forbes considerou atletas com 25 anos ou menos e os valores recebidos, dentro do esporte ou por outros meios, durante maio de 2021 e o mesmo mês em 2022.

 

  •  1 - Josh Allen

 

Quarterback do Buffalo Bills, que joga a NFL, Allen recebeu US$ 67 milhões no período avaliado. Destes, US$ 64 milhões foram garantidos na extensão de contrato com seu time no futebol americano.



  • 2 - Naomi Osaka

A tenista japonesa tem um cenário completamente oposto ao líder do ranking. Isso porque dos US$ 59 milhões faturados por ela, US$ 58 milhões vieram por meio de ações de patrocínio ou outros meios não ligados ao tênis. A modalidade rendeu apenas US$ 1,2 milhão à atleta.



  • 3 - Max Verstappen

O atual campeão da Fórmula 1 faturou US$ 48 milhões no período avaliado pela revista. Desses, US$ 46 milhões foram conquistados dentro das pistas que o consagraram como o grande vencedor da última temporada.



  • 4 - Kylian Mbappé

Antes de assinar sua renovação de contrato milionária com o PSG, o atacante já havia faturado US$ 43 milhões. Dessa quantia, US$ 15 milhões chegaram aos bolsos do francês por meio de ações de patrocínio com a Nike e a EA Sports, por exemplo.



  • 5 - Marshon Lattimore

O jogador de defesa do New Orleans Saints, que joga a NFL, lucrou US$ 40,9 milhões no período considerado pela Forbes. Em setembro, o cornerback assinou uma extensão contratual que vai lhe render US$ 97,6 milhões.



  • 6 - Devin Booker

A estrela do Phoenix Suns, da NBA, faturou US$ 39,9 milhões entre maio do último ano e o mesmo mês de 2022. Os valores foram garantidos mesmo com a queda da equipe nos playoffs ao longo da temporada passada. Fora das quadras, o atleta tem acordos com a fornecedora de materiais esportivos Nike, por exemplo.



  • 7 - Jake Paul

Próximo adversário de Anderson Silva, o lutador e youtuber embolsou US$ 38 milhões. Desta quantia, boa parte foi conquistada em duas lutas contra Tyron Woodley.



COMENTÁRIOS

Buscar

Alterar Local

Anuncie Aqui

Escolha abaixo onde deseja anunciar.

Efetue o Login