Seja bem vindo
Curitiba,28/11/2022

  • A +
  • A -

Pirâmide de Maslow: o que é, para que serve e como aplicar


Pirâmide de Maslow: o que é, para que serve e como aplicar

Pirâmide de Maslow


Dentro de um mercado com cada vez mais ofertas, não há como sustentar certos valores sem que outros sejam supridos. Nesse caso, a Pirâmide de Maslow pode ajudar a entender como se dá essa relação.

Desde os primórdios da humanidade, as aspirações humanas moldam o conjunto das relações societárias.

Isso vai desde a busca por elementos estéticos até, hoje em dia, os sonhos de consumo da era digital.

No entanto, há outro ponto importante que fundamenta toda essa perspectiva dentro de qualquer sociedade: a natureza.

Essa categoria é fundamental porque ela precede a existência e, também, sucede a partir de determinadas mediações. Nesse caso, o ponto essencial que conecta o ser ao mundo natural são as dinâmicas de trabalho.

Essas ações, por sua vez, têm a capacidade de adaptar os meios naturais para garantir  a sobrevivência e a reprodução da espécie.

Entretanto, essas opções de avanços quanto ao uso de aspectos primários para produção de novas ferramentas, só são possibilitadas a partir do suprimento de certos fatores.

É nesse sentido que a Pirâmide de Maslow aparece para nortear esse tipo de análise antropológica.

Para uma família, por exemplo, contratar o serviço de aplicação de rede laminada concertina ela precisa, via de regra, ter condições de suprir outros consumos mais básicos para a sobrevivência.

Logicamente, esse é um assunto que tem a ver com segurança e, portanto, acaba sendo vital.

Contudo, não há como sustentar nenhum tipo de relação comercial mais avançada sem que se tenha a garantia de que os aspectos básicos da sobrevivência estão sendo supridos.

Entender, portanto, como se dão esses destaque essenciais para a manutenção da vida pode fornecer alguns benefícios na hora de obter algumas análises. Algumas delas são:

  • Orientação de políticas públicas;

  • Orientação de marketing;

  • Suprimento de demandas;

  • Produção de empatia.

Há uma série de possibilidades analíticas que a Pirâmide de Maslow consegue fornecer, mas é importante pormenorizar as supracitadas.

A respeito da orientação de políticas públicas, é possível entender quais são as prioridades mais importantes.

Se o deslizamento de terra, por exemplo, estiver prejudicando a segurança de algumas famílias, essa análise pode propiciar a compra de semente de braquiarão para criar uma vegetação que consiga conter esse tipo de desastre.

Uma outra perspectiva bastante importante é que esse mesmo tipo de postura consegue nortear campanhas de marketing.

Nesse sentido, há uma série de mecanismos analíticos que a Pirâmide de Maslow consegue trazer para uma empresa.

A partir dela, por exemplo, uma empresa que vende camiseta lisa vermelha infantil pode entender qual é o público mais suscetível para comprar esse produto.

Além disso, as demandas que surgem em cada etapa da pirâmide conseguem ser identificadas e supridas com mais facilidade.

Por fim, isolando as variáveis, é possível compreender algumas carências, produzindo, assim, mais empatia entre os entender presentes nessa análise.

O que é a Pirâmide de Maslow?

A presença de terminologias técnicas pode, em grande medida, acabar confundindo quem toma contato com esse tipo de conteúdo a primeiro momento.

Por isso, entender quais são as denominações desses aspectos acaba sendo fundamental na hora de utilizá-los.

Nesse caso, a Pirâmide de Maslow aparece como um conceito fundamentado em consonância com a área da antropologia.

A partir dos avanços da psicologia e da psicanálise na primeira metade do século XX, alguns fatores começaram a fazer parte do léxico acadêmico.

Esse tipo de relação, como sempre, teve a capacidade de transbordar suas áreas e serem expandidas para outras.

Foi assim que o psicólogo, Abraham Maslow, em 1943, fundamentou em seu livro A Teoria da Motivação Humana essa perspectiva de pirâmide. Ela, por sua vez, elenca, da base até o topo, os elementos estruturantes das motivações humanas.

Essa perspectiva teve muita aderência pelo mundo do marketing, uma vez que ela conseguiu fundamentar uma série de medidas que produzissem alguns gatilhos de consumo.

Se, por acaso, uma empresa que vende abraçadeira para tubos de pvc conseguir identificar o grau de necessidade que esse produto tem, pode fornecer algumas ferramentas de comunicação.

Saiba quais são as motivações

Compreender o que a Pirâmide de Maslow significa para as análises sociais pode ser fundamental na hora de estabelecer uma aplicação de melhorias em qualquer área.

Contudo, conceituá-la não é compreendê-la. Nesse sentido, é fundamental entender quais são as cinco motivações que a constituem.

Fisiologia

Ponto base da Pirâmide de Maslow, a fisiologia constitui o caráter mais básico de qualquer sobrevivência humana.

Se houver algum problema quanto a esse aspecto, não há como avançar para os outros itens desta lista.

Esses elementos básicos estão relacionados ao funcionamento do corpo e, também, a aspectos de higiene e outros pontos que garantem a manutenção dos elementos mais importantes para a vida.

Por exemplo, a instalação de uma dispensa de outorga de poço artesiano pode ajudar os cidadãos de algumas regiões a suprir algumas dessas demandas.

Segurança

Um outro elemento central para manter as bases da pirâmide bem sustentadas é a segurança. Esse ponto tem a ver com a defesa das vida humana em seus aspectos mais básicos do dia a dia.

A contratação do serviço de instalação de portão automático galvanizado pode garantir uma certa estabilidade nesse setor.

Porém, esse não é o único aspecto que a segurança demanda daqueles que pretendem analisar a Pirâmide de Maslow.

Fatores como saúde e presidência podem ser determinantes quanto a constituição dessa etapas.

Relacionamento

Garantir a sustentação dos aspectos anteriores pode fazer com que essas pessoas possam ir além nas suas motivações.

O relacionamento aparece como uma forma de garantir que as percepções sociais sejam estabelecidas. Ou seja, há a necessidade de garantir os relacionamentos interpessoais de diversas maneiras possíveis.

Reconhecimento

Compreender a relação do reconhecimento com a motivação das relações humanas é essencial.

Uma vez supridas as necessidades básicas, as pessoas começam a buscar algumas atividades mais complexas.

Ser reconhecido em sua área profissional ou a partir de algum talento, pode ser uma forma de suprir esses aspectos.

Realização

A realização funciona como um ponto sublime dentro da perspectiva da Pirâmide de Maslow.

Esse ponto está relacionado com diversas aspirações pessoais que um sujeito pode ter com relação a sua vida pessoal e profissional.

Se, por exemplo, a intenção for colocar em seu jardim um banheiro quimico luxo, essa pode ser uma forma de realização.

Como aplicar em uma empresa?

Absorver todos esses aspectos pode ajudar uma empresa, por exemplo, a consolidar uma estratégia mais assertiva.

Para que isso ocorra, é preciso entender quais áreas conseguiram se beneficiar com esse tipo de relação.

Recursos humanos

Uma das formas mais salutares de utilizar a Pirâmide de Maslow dentro de uma empresa é a partir do fornecimento de ferramentas para as equipes de RH.

Se uma empresa que fabrica argila expandida branca estiver identificando uma certa falta de comprometimento por parte de seus funcionários, é possível agir dentro dessa perspectiva.

No sentido de haver algum tipo de benefício que possa sustentar questões basilares daqueles funcionário, sua aplicação pode ajudar.

Público-alvo

Uma outra maneira de se aplicar esse tipo de perspectiva é na análise do público-alvo de uma empresa.

No caso dela ter um caráter mais basilar, sua comunicação pode ser mais abrangente, mas, se for itens mais luxuosos, há uma perspectiva mais restrita.

Por isso mesmo, é importante entender quais são os elementos que fundamentam esse tipo de relação para que não se incida em equívocos.

Criação de produtos

Uma outra perspectiva importante que esse tipo de ferramenta pode fornecer para uma empresa é com relação a sugestão de produtos e serviços que podem ser oferecidos.

Esse tipo de análise sempre norteou as equipes de marketing e proporcionou diversas formas de se criar novas soluções.

A partir da compreensão do consumo de uma marca, por exemplo, ela pode entender como melhorar a experiência de seus clientes.

Considerações finais

Há uma série de perspectivas que surgem, a primeiro momento, na academia e vai ganhando o mundo dos negócios.

Com a Pirâmide de Maslow não é diferente. Suas potencialidades analíticas vêm fundamentando todos os aspectos mercadológicos desde a década de 1950.

A partir das cinco motivações, é possível avaliar quais serão os rumos de cada produto dentro dessas compartimentações comportamentais.

Diante disso, as companhias já podem começar a considerar esses aspectos na aplicação do dia a dia de sua produção.

Esses pontos podem orientar, por exemplo, as equipes de recursos humanos e, também, as análises de público-alvo.

Por fim, uma relação que sempre se sustentou e ainda se mantém como horizonte dessa ferramenta é, justamente, a sua utilização para a produção de novos recursos que vão suprir essas necessidades fundamentais ou luxuosas.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.



COMENTÁRIOS

Buscar

Alterar Local

Anuncie Aqui

Escolha abaixo onde deseja anunciar.

Efetue o Login