PMs enfrentam quadrilha em roubo a banco em Piên, veja o vídeo

Por Redação 08/11/2019 - 11:21 hs

Uma quadrilha formada por ao menos sete bandidos assaltou a agência da Caixa Econômica Federal (CEF), da cidade de Piên, município da Região Metropolitana de Curitiba (RMC), na manhã desta sexta-feira (8). Durante a ação criminosa, os bandidos teriam assassinado o gerente do banco. Moradores disseram que o gerente foi morto, mas as autoridades não confirmaram esta informação. Segundo comentários de pessoas que residem na região, outros bancos de municípios vizinhos também estariam no alvo da quadrilha.

Segundo testemunhas houve intensa troca de tiros entre a Polícia Militar e os assaltantes, que disparam tiros de fuzis. Três pessoas foram atingidas de raspão: o gerente do banco e dois clientes, não identificados.

Bastante assustada, uma moradora que estava no hospital da cidade, ficou assustada com a quantidade de tiros disparados.  “Estou com as minhas pernas tremendo. Nossa senhora, é muito barulho de tiro, de bomba. Estamos todos trancados aqui atrás no hospital. Está eio a situação. Nunca tinha visto isso, gente!”, comentou uma moradora em mensagem via WhatsApp. “A minha filha está no hospital e disse que está chegando muita gente baleada lá. Ela só chora”, comentou outra moradora.

De acordo com as autoridades, guarnições da Polícia Militar das cidades de Rio Negro (PR) e de São Bento do Sul (SC) estão seguindo para Piên. Outra guarnição da Polícia Rodoviária Federal também seguiu para Piên. Ela foi vista em alta velocidade, depois de passar pelo Trevo do Mato Preto.

Alguns comerciantes informaram que os bandidos estavam vestidos de preto, encapuzados, fortemente armados e carregavam armas pesadas, como fuzil. Na fuga, fizeram um cordão humano para se proteger. Uma parte da quadrilha abandonou o carro na entrada do aterro sanitário da cidade, chamado de Lixão, na zona rural. Depois eles atearam fogo no veículo para dificultar a ação da Polícia. Um dos bandidos fugiu a pé para um lado e outro seguiu também a pé em direção a localidade de Campina dos Maias. Outros integrantes do grupo seguiram no sentido do Estado de Santa Catarina (SC).