TV Cultura transmite a Superliga de Vôlei

SERÃO MAIS DE 50 JOGOS DAS EQUIPES MASCULINA E FEMININA, COM NARRAÇÃO DE GIL ARRUDA E NATÁLIA LARA, E COMENTÁRIOS DE VERA MOSSA E WILLIAM CARVALHO

Por Assessoria 06/11/2019 - 14:33 hs

A TV Cultura, que recentemente retomou as transmissões esportivas em sua programação, com o futebol feminino, neste sábado (9/11) começa a exibir os jogos da Superliga de Vôlei 2019/2020, feminino e masculino. Para a narração, a emissora escalou Gil Arruda e Natália Lara. Como comentaristas, a TV Cultura contará com Vera Mossa, ex-jogadora da Seleção Brasileira de Vôlei, e William Carvalholevantador  e capitão daquela que ficou conhecida como a "geração de prata" do vôlei brasileiro.

Neste sábado (9), a partir das 19h, ao vivo, a TV Cultura transmite Itapetininga (SP) e Fiat/Minas (MG). No domingo (10), às 20h, irá ao ar a partida entre América Vôlei (MG) e Sesc-RJ.

A primeira rodada feminina será televisionada no dia 16 de novembro.

O presidente da TV Cultura, José Roberto Maluf, ressalta a importância dessa nova fase da emissora. “É com grande alegria que a TV Cultura retoma suas transmissões esportivas e exibe, com exclusividade na TV aberta, a Superliga de Vôlei 2019/2020. A partir deste mês, nossa rede nacional levará ao ar mais de 50 jogos, masculino e feminino, possibilitando ao público acompanhar a principal competição de vôlei do País".


Superliga 2019/2020

Nesta temporada, serão 18 jogadores estrangeiros, 19 campeões olímpicos e muitos outros grandes atletas que irão representar os 24 times – 12 em cada naipe – nos próximos seis meses.

Há atletas da Argentina, de Cuba, da Colômbia, Itália, Venezuela, Estados Unidos, Marrocos, entre outros. A oposta Polina Rahimova, do Azerbaijão, jogará no Brasil pela primeira vez. Ela defenderá o Sesi Vôlei Bauru.

A Superliga 2019/2020 masculina contará com o atual campeão EMS Taubaté Funvic (SP), além de Sesi-SP, Sada Cruzeiro (MG), Sesc-RJ, Fiat/Minas (MG), Vôlei Renata (SP), Denk Academy Maringá Vôlei (PR), Vôlei UM Itapetininga (SP), América Vôlei (MG), São Francisco Vôlei-RP (SP),Ponta Grossa Vôlei e Apan Blumenau (SC), vice-campeão.

No feminino, estarão na disputa o Itambé Minas (MG), campeão em 2018/2019, Dentil Praia Clube (MG), Osasco/Audax (SP), Sesi Vôlei Bauru (SP), Sesc-RJ, São Paulo FC/Barueri (SP), Fluminense (RJ), Curitiba Vôlei (PR), Esporte Clube Pinheiros (SP) e São Cristóvão Saúde/São Caetano (SP). Completam a lista o Valinhos (SP) e o Flamengo (RJ), que subiram da Superliga B 2019.