125 anos do Cerco da Lapa

A histórica cidade da Lapa no Paraná ( 64 quilômetros da capital) , celebra os 125 anos do dia em que o município foi cenário da batalha entre Federalistas ( Maragatos) e Legalistas ( Pica-paus) .

Por Assessoria 08/01/2019 - 18:45 hs

Os federalistas, conhecidos como maragatos, vinham do Rio Grande do Sul e lutavam pela queda do governo presidencialista de Marechal Floriano Peixoto. De um lado três mil combatentes pela revolução. Do outro, cercados, pouco mais de 500 homens, que representavam as forças da República. Sob o comando do Coronel Gomes Carneiro. Os chamados legalistas resistiram por 26 dias - período que permitiu a reorganização das Forças Militares na defesa da república. Depois da morte do então coronel em combate, ele ganhou como homenagem o posto de General Antonio Carneiro e é considerado o herói do Cerco da Lapa. Foi na cidade que se deu o início do processo que deu fim da revolução. "A Lapa capitulou, mas os ingentes esforços imprimidos, aqui naqueles 26 dias  , que deram as condições da vitória legalista, explica Márcio Assad, coordenador Geral de Comunicação e Eventos do Município. Por isso que se diz que foi  em virtude da resistência lapeana é que a jovem e cambaleante república se consolida". Completa Assad.   

DIA NACIONAL DO CERCO DA LAPA

Após aprovação na Câmara dos Deputados e no Senado, o Presidente Temer sancionou a Lei 13.570/2017 que institui o Dia Nacional do Cerco da Lapa em 09 de fevereiro. Este ano a data já inserida no calendário nacional, terá um motivo a mais para ser lembrada: os 125 anos do episódio, marcado pelo heroísmo daqueles que combateram em desigualdade de condições e conseguiram com esforço hercúleo , segurar os revolucionários, que calculavam render a cidadela em 48 horas, mas que se detiveram no cerco por 26 dias. 

Como parte das programações haverá a tradicional encenação daqueles dias sangrentos, que escreveram definitivamente o nome da Lapa, nas páginas da história brasileira. 

Quer ficar por dentro de tudo o que acontece. É só seguir os perfis no TwitterInstagram e Facebook tem conteúdo exclusivo o tempo todo. Fale Conosco