Emissão de nota fiscal quintuplica após Nota Paraná e muda hábitos do consumidor

Empresa de gestão empresarial aumentou em 304% a emissão de notas fiscais

Por Assessoria 15/05/2018 - 16:40 hs

Quer CPF na nota? Se a pergunta causava certa desconfiança em 2015, quando o programa Nota Paraná foi implantado, hoje já está na cabeça dos paranaenses. A prova está nos números. De acordo com o governo do estado, a média de notas emitidas quintuplicou em dois anos, de 24 milhões para 132 milhões por mês; já em Curitiba, a emissão de notas de serviços aumentou 14% no primeiro bimestre de 2018, se comparado ao mesmo período do ano passado, após o lançamento do Nota Curitibana. Esse aumento revela a mudança de hábito dos consumidores e empresários.

Segundo a empresa VHSYS, startup de gestão empresarial que oferece emissor de nota fiscal eletrônica, houve um aumento de 304% no número de notas fiscais do consumidor emitidas pela empresa do primeiro para o segundo ano em que o Nota Paraná estava ativo. Para Luan Stocco, cofundador e CTO da VHSYS, a expectativa é de que esse número continue aumentando. “Somente nos quatro primeiros meses deste ano já chegamos a 45% do número de notas emitidas o ano passado inteiro e acreditamos que esse comportamento está relacionado com a popularização do programa Nota Paraná”, explica.

Para Stocco, outro fator apontado para a alta na emissão das notas fiscais é a melhora na economia do país e a mudança de hábito do consumidor. “A recuperação do mercado de trabalho vêm impulsionando o consumo e, simultaneamente, temos a mudança de hábito do consumidor, que passou a exigir a nota fiscal nas compras, e também dos empresários comerciantes. Antigamente alguns ficavam até aborrecidos se você pedia a nota fiscal. Hoje isso já virou rotina”, opina.

Nota Paraná

Com o Nota Paraná os cadastrados recebem de volta 30% do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) recolhido pelos varejistas nas notas fiscais que devem ser cadastradas no programa. Mensalmente são sorteados 250 mil prêmios, de valores variados.

Atualmente, o Nota Paraná tem 2,1 milhões de consumidores cadastrados. Até abril de 2018, o programa disponibilizou R$ 906 milhões em créditos e prêmios a consumidores e instituições sem fins lucrativos.

Para participar, os consumidores precisam se cadastrar no site do Nota Paraná ou pelo aplicativo do programa.

Nota Curitibana

No programa Nota Curitibana, da prefeitura de Curitiba, o contribuinte pode abater até 30% do IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano). A iniciativa sorteia, entre os cadastrados, R$ 230 mil em prêmios todos os meses, divididos em R$ 50 mil para o primeiro prêmio, R$ 20 mil para o segundo, R$ 10 mil para o terceiro, além de 15 mil prêmios de R$ 10,00.
 
Sobre a VHSYS

A VHSYS é uma startup paranaense que fornece um sistema online de gestão empresarial descomplicada para micro, pequenos e médios empresários. O sistema conta com módulos para emissão de nota fiscal, controle financeiro, vendas, estoque, além de ter desenvolvido uma loja de aplicativos exclusivos para o software, ampliando suas funcionalidades para o cliente final. A empresa foi criada e é dirigida por Reginaldo Stocco e Luan Stocco em 2011 e recebeu aporte em 2017. Com mais de 100 mil empresas que já utilizaram o sistema, a startup está localizada em São José dos Pinhas, região metropolitana de Curitiba. Em 2018, recebeu certificado da Great Place to Work como uma das melhores empresas para se trabalhar. Mais informações no site https://vhsys.com.br/