Saiba como comprar ingressos para a Copa do Mundo 2018

Fifa divulga o preço das entradas para o Mundial: Confira quando começará a vender

12/09/2017 - 16:20 hs

A corrida por #ingressos para a #Copa do Mundo 2018 na Rússia vai começar. Faltam apenas dois dias para os bilhetes começarem a ser vendidos. A Fifa confirmou, nesta terça-feira, que as entradas poderão ser adquiridas no próximo dia 14 de setembro.

A única forma oficial de garantir um lugar no evento será pelo próprio site da entidade. Serão três fases de venda, sendo que a primeira começa no dia 14 de setembro e vai até 12 de outubro.

Assim como outras grandes competições, em que há muita procura, haverá um sorteio inicial para os pedidos. Não importando qual a ordem de cadastro ou setores de interesse. Os contemplados serão informados até o dia 16 de novembro.

A partir do dia 16, até o dia 28 de novembro as vendas serão de forma direta e por ordem de pedido.

Já a segunda fase de vendas começará após o sorteio de grupos da Copa no dia primeiro de dezembro, do dia 5 de dezembro a 31 de janeiro de 2018. Novamente no formato de sorteio.

A venda direta da segunda fase será do dia 13 de março a 3 de abril de 2018.

Todos que comprarem os ingressos nas duas primeiras fases irão receber os mesmos semanas antes do torneio sem custo de frete (entre abril e maio).

Quem não conseguiu comprar terá uma última chance com "ingressos de última hora" liberados de 18 de abril a 15 de julho de 2018.

Os bilhetes serão divididos em quatro categorias, sendo que a mais barata (4) só estará disponível para cidadãos russos por cerca de 1.280 rublos (R$ 69) na fase de grupos e 7.040 rublos (R$ 380) para a final.

Na categoria 3, os valores variam de US$ 105 (R$ 326,11) a US$ 455 (R$ 1.413). Já na categoria 2 os valores aumentam para US$ 165 (R$ 512,47) a US$ 710 (R$ 2.205).

A categoria 1, a mais cara, tem os ingressos de US$ 210 (R$ 652,23) a US$ 1.100 (R$ 3.416).

Seleção Brasileira está garantida no torneio

Com Tite no comando, a Seleção Brasileira já garantiu seu lugar no Mundial da Rússia. Pelas Eliminatórias, a equipe ainda enfrentará a Bolívia, fora de casa, e o Chile, no Palestra Itália, no mês que vem, mas já soma 37 pontos.

Em seu último duelo, o Brasil empatou om a Colômbia em 1 a 1 [VIDEO]. Após a partida o treinador cobrou mais efetividade do grupo. Segundo ele, o resultado foi justo, mas sua equipe teve uma atuação mais consistente que seu adversário demonstrando maturidade. "Contra o Equador não fizemos um bom primeiro tempo, o segundo sim. Hoje, fomos bem durante os 90 minutos. O empate foi justo, mas se fosse para um time sair vencedor, seria o Brasil", disse, clique aqui para ler o depoimento completo.